#Palavras do Pai

Homem de dores #90

 

Jesus foi/é conhecido como homem de dores. Através de tudo que a Bíblia nos relata sobre sua vida na terra, percebo que se teve coisa que Jesus passou foi por dor. Humilhação, chacota pública, açoites, difamação, calúnia, perfurações no corpo, coroa de espinhos, (…), e por fim, a cruz.

Ao mesmo tempo, a Bíblia também nos afirma que “Ele levou sobre si as nossas dores“, mas ainda vemos crentes enfermos, ainda passamos por sofrimentos e perdemos quem amamos. É um paradoxo compreender que ainda sofremos mesmo que Ele já tenha levado tudo. Já pensou nisso?

Somos garantidos pela Palavra que devemos ser como Jesus, andar como Ele andou, sermos santos como Ele é. E por quê não devemos ser parecidos também em suas dores? Por que não padecer por Ele? Os que viveram esta experiencia declararam ter sido motivo de alegria! Se queremos ser reconhecidos pela santidade, por que não deveríamos também considerar as dores como motivos de semelhança com Jesus?

Entenda, não quero aqui te fazer apegado a dor. Pelo contrário, quero te fazer entender que precisa se apegar a Deus, mesmo – e principalmente – no meio da dor. Mesmo no meio da perda. “No mundo tereis aflições”, disse o Cristo, “mas tende bom animo! Eu venci o mundo!”. Não fomos isentados da dor, pelo contrário, fomos alertados de que ela viria! E tentaria nos derrubar. Mas há esperança! Pois se Ele venceu, temos certeza de que, com Ele e através dEle, também venceremos!

O salmista declara que “O Senhor é meu pastor, de nada tenho falta”. Isso significa que ainda que nos falte comida, abrigo, dinheiro, carinho… Ainda que não sejamos curados ou não alcancemos nossas conquistas pessoais, se temos ao Senhor, de fato teremos tudo de que precisamos. Ele é a nossa completude. Por causa Dele, Paulo aprendeu a passar fome e a ter fartura, a estar alegre ou em crise… Ele conheceu a Deus! Ele se aproximou ainda mais do homem de dores. E isso, de forma sobrenatural e divina, nos ensina que a dor nos aperfeiçoa e nos molda à Jesus; e se desejamos ser como Ele, não podemos fugir das provações. E sim, com fé, seremos aprovados! Estamos em busca da vitória. Combatendo o bom combate. Que Ele nos fortaleça!

 

(Isadora Bersot)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s