#Palavras do Pai

EXODUS – de onde vim não existe mais #142

Semana passada, o filme Exodus foi lançado nos cinemas. Ele conta a trajetória de 6 refugiados ao redor do mundo, inclusive de uma síria em São Paulol. É um documentário extremamente real, sensível e ao mesmo tempo cheio de esperança – item necessário nessa nossa luta diária.

Sabemos que os êxodos não são uma novidade do nosso século e nem mesmo mais um fruto da guerra… Eles sempre existiram. E temo que continuem existindo (motivados pela ganância / poder / interesse pessoal). Desde os tempos bíblicos, nos sobram relatos de gente (no sentido mais humano da palavra) peregrinando ao redor do mundo.
Em alguns livros bíblicos, conhecemos a história do povo de Israel; que depois de anos de escravidão finalmente alcança o gozo chamado liberdade. Não sem morte ou dor. A Bíblia narra que mais de uma geração viveu nesse jugo opressor! No filme, conhecemos adultos que nasceram nos campos e permanecem lá. É assustador descobrir o quanto alguém pode resistir ao sofrimento! Creio que estes, em especial, guardam no mais fundo de sua alma uma porção a mais de esperança do que o normal. Aquela coisa insegura, mas que os fazem segurar mais firmes, sabendo que “mais dia, menos dia”, tudo pode mudar.
Em meio a crise humanitária que vivemos hoje e que só tende a se eclodir em outros pontos do planeta; mantenho essa esperança compartilhada. Muitos perderam suas vidas – física ou emocionalmente -, mas é uma espécie de conforto saber que essas vozes nos cinemas nacionais ecoam mais longe que a minha.
Um dia Moisés nasceu. Em outro, Josué; e toda a história de um povo escravo no Egito foi transformada. Podemos repetir estas histórias. Estamos aqui hoje: eu e você! Todos somos peregrinos em terra estrangeira. Nada é nosso além de nós. Tudo que conquistamos pode se acabar de repente. Vale a pena viver pelo outro!

(Isadora Bersot)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s